Páginas

terça-feira, 14 de novembro de 2017

AMABC na luta por Outdoor na BR 232.


Fonte: carnavaldezepuluca.blogspot.com.br

Para 2018 a Direção do Carnaval de Zé Puluca está em busca de patrocinadores para fixações de 3 Outdoor na BR – 232. A ideia é despertar ainda mais a vinda de foliões de outros municípios para a Cidade de Bom Conselho. Diariamente transitam na BR – 232, sentido Recife ao interior de Pernambuco, centenas de milhares de pessoas, que geralmente sai do Recife sentido a varias cidades do Agreste e Sertão Pernambucano. Nessa rota, Cidades como Bezerros, Pesqueira, Arcoverde e Triufo recebe durante seus festejos momesco um grande público de foliões, apaixonado pelo festejo de momo no interior de Pernambuco. Em 2018 o Carnaval de Zé Puluca completará 5 anos de Folia. Segundo Carlos Alberto nada melhor que uma publicidade diferenciada para ainda mais atrair pessoas de fora para conhecerem a maior Prévia Carnavalesca Cultural do Agreste Meridional Pernambucano. Carlos Alberto acredita que a Folia de Puluca tem todas as prerrogativas necessárias para atrair o turismo momesco para Bom Conselho. O Bonconselhense é um povo acolhedor e ordeiro. Terra de muita gente bonita e hospitaleira. A cidade contém uma boa infraestrutura hoteleira. Com bares, pizzarias, lanchonetes e um clima pra lá de delicioso. Esses fatores faz de Papacaça um roteiro diferenciado “Muito mais que o nosso trabalho, acredito bastante no potencial turístico de Bom Conselho. Nossa cidade já contém as estruturas mínimas necessárias, para recebermos gente de fora. Espero que o Poder Público Municipal de Papacaça possa além de iluminar bem as nossas ruas, tenha a oferecer durante a nossa folia, uma cidade cada vez mais limpa. Sei que é uma grande ousadia de minha parte querer fixar outdoor de um evento que ainda vai para seu 5º Ano de Festejo, mais precisamos ainda mais avançar. O sucesso do Carnaval de Zé Puluca atrairá mais pessoas para nossa cidade, e como ele mais consumo de serviços e produtos. Espero de verdade poder contribuir com o aquecimento econômico do nosso comercio em 2018. Entendo que ainda é muito pouco, mais com trabalho e dedicação, sou esperançoso que em breve poderemos sim festejar essa importante conquista para a nossa cidade”. Pontuou Carlos Alberto.  

Dannilo Godoy participou da Festa de Santa Isabel da Hungria.




Está acontecendo em Rainha Isabel, desde o último dia 08, a Festa de Santa Isabel da Hungria, padroeira do distrito. A festa é realizadapela Paróquia de Santa Isabel da Hungria, que tem como pároco o Frei Zito. Os festejos vão até o próximo dia 17.



No último sábado, a Prefeitura de Bom Conselho promoveu shows musicais, após a celebração da Santa Missa e o prefeito Dannilo Godoy esteve presente, junto com sua esposa, ao lado do vereador representante do distrito, Chico Bento e sua família.


Dannilo Godoy assistiu à missa e, em seguida, participou da festa promovida pela Prefeitura de Bom Conselho que teve como atrações Henrique Barreto e Danielzinho Aprovados do Fórró. Um grande público marcou presença em mais um ano da tradicional festa.


Ascom/PMBC

Prazo para adesão ao Refis termina nesta terça-feira


Os contribuintes com dívidas com a União têm até esta terça-feira (14) para pedir a adesão ao Programa Especial de Regularização Tributária (Pert), conhecido como novo Refis. Para pedir o parcelamento, é preciso acessar o Centro Virtual de Atendimento (e-CAC), no site da Receita Federal na internet, até as 23h59min, horário de Brasília.

Segundo a Receita Federal, uma das modalidades prevê o pagamento em espécie de 20% da dívida, sem reduções, sendo 12% até hoje, 4% até o fim deste mês e 4% em dezembro, e a liquidação do restante com a utilização de créditos do prejuízo fiscal do Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) e da base de cálculo negativa da Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido (CSLL) ou de outros créditos próprios relativos a tributos federais. A outra opção é o pagamento da dívida em 120 prestações, com valores reduzidos nos três primeiros anos: para este ano o pagamento de 1,2% da dívida, sem reduções, até hoje; 0,4% até o fim de novembro e 0,4% no mês de dezembro.

A terceira opção é o pagamento em espécie de 20% da dívida, sem reduções, sendo 12% até esta terça-feira, 4% até o fim de novembro e 4% em dezembro, e o restante em uma das seguintes formas: quitação em janeiro de 2018, em parcela única, com reduções de 90% de juros e de 70% das multas; parcelamento em até 145 parcelas, com reduções de 80% dos juros e de 50% das multas; parcelamento em até 175 parcelas, com reduções de 50% dos juros e de 25% das multas, com parcelas correspondentes a 1% da receita bruta do mês anterior, não inferior a 1/175 da dívida consolidada.

Há ainda a opção de pagamento em espécie de 24% da dívida em 24 prestações e a liquidação do restante com a utilização de créditos de prejuízo fiscal do IRPJ e de base de cálculo negativa da CSLL ou de outros créditos próprios relativos a tributos federais: para este ano deverá haver o pagamento de 1% da dívida, sem reduções, até hoje, 1% até o fim de novembro e 1% no mês de dezembro.

Os contribuintes com dívida total inferior a R$ 15 milhões, no caso de opção pela modalidade que exige pagamento em espécie para este ano e a liquidação do restante com aplicação de reduções sobre juros e multas, devem liquidar os valores devidos em 2017 nos seguintes percentuais sobre a dívida: 3% até esta terça-feira, 1% até o fim de novembro e 1% no mês de dezembro.


WhatsApp será usado para identificar ladrões


A Secretaria de Defesa Social (SDS) anunciou, ontem, que a partir deste mês a população poderá fazer denúncias de assaltos a ônibus através do WhatsApp (81 99488-7091). A proposta do canal é receber informações, imagens e vídeos dos delitos cometidos dentro dos coletivos para auxiliar a Polícia Civil na investigação dos grupos que atuam nesse tipo de crime. Segundo a SDS, essa é mais uma ação da Força Tarefa Coletivos, operação conjunto entre a Polícia Militar de Pernambuco (PMPE) e a Polícia Civil (PCPE), desde o mês de agosto, para diminuir o número de assaltos a ônibus.

De acordo com o secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, nos meses de setembro e outubro deste ano houve uma redução de 41% nos assaltos aos coletivos que circulam na Região Metropolitana do Recife (RMR), se comparado com o mesmo período do ano passado. Segundo ele, de janeiro a outubro deste ano, foram efetuadas 272 prisões após o trabalho de investigação da Polícia Civil.

“O WhatsApp é uma ferramenta que surgiu a partir da Força Tarefa Coletivos para trazer informações à Polícia Civil. Mas se for uma situação que esteja ocorrendo no momento que o usuário envia, é possível que a Polícia Militar se desloque e faça efetivamente a abordagem no coletivo para fazer a prisão dos assaltantes”, afirmou o secretário. Segundo a SDS, há garantia total do sigilo sobre a identidade de quem repassou as informações.

Ainda de acordo com os dados da SDS divulgados ontem, no último mês de setembro, foram registrados 75 assaltos a ônibus, enquanto em outubro deste ano caiu para 65 delitos. Esses números representam que foram notificadas duas ocorrências por dia em ambos os meses. “Em setembro, apenas em um dia não foi registrada ocorrência. Em outubro, tiveram três sem ocorrência”, destacou o secretário executivo de Defesa Social, Humberto Freire.

Os números da SDS divergem dos divulgados pelo Sindicato dos Rodoviários. De acordo com entidade sindical, de janeiro a setembro deste ano, foram contabilizados 3025 assaltos a ônibus. Já a SDS trabalha com 1209 ocorrências. “Um roubo a coletivo muitas vezes tem várias vítimas. Mesmo que cada uma delas faça o registro da ocorrência, só podemos contabilizar um assalto. Então a Polícia Civil faz esse cruzamento de informações para que a gente consiga chegar a esses números”, justificou Humberto Freire.


A Força Tarefa Coletivos atua em duas frentes. A PM tem realizado ações ostensivas em coletivos. Já a Polícia Civil faz um trabalho de mapeamento das ocorrências.