Páginas

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Pesquisadores alertam para o ano da Chikungunya.

Prevenção deve priorizar a eliminação de focos do Aedes aegypti, larvicida de uso doméstico é solução eficaz



Só este ano, já foram 120 mortes causadas pela doença que causa dores articulares severas e febre alta. Segundo Ministério da Saúde, a doença causada pelo mosquito Aedes aegypti está presente em duas de cada cinco cidades no país. Dados mostram que, durante todo ao ano de 2015, foram registrados no país 38.332 casos prováveis de febre de chikungunya, já este ano, os casos somam  236.287. 

“Todos os dados epidemiológicos até agora sugerem que o próximo verão vai ter uma transmissão mais intensa dessa doença chikungunya. E está encontrando uma população de seres humanos ainda suscetível a esse vírus que nunca tiveram contato com ele”, explica o entomologista Rafael Freitas, da Fiocruz. 

A doença além de causar desconforto, pode deixar danos permanentes no paciente como lesão nas articulações das mãos e pés, que podem durar para o resto da vida.

A melhor forma de combater o mosquito é exterminar logo na fase larval, antes dele ter asas para voar e conseguir infectar os seres humanos. “Com um larvicida de uso doméstico, conseguimos acabar com todos os ovos que uma fêmea coloca por vez, cerca de 200. enquanto que o uso de inseticidas combate um a um o mosquito da dengue explica Milton Braida, diretor de Pesquisa e Desenvolvimento da Dexter Latina, indústria química especializada no combate ao Aedes aegypti.

“Interromper o desenvolvimento das larvas do Aedes aegypti, que possui rápido ciclo evolutivo, é a maneira mais eficiente de controlar a proliferação da dengue”, garante o pesquisador. Além de numericamente mais eficaz, os efeitos do larvicida, após sua aplicação, podem durar até 60 dias, enquanto o efeito do inseticida para o controle de mosquitos adultos, se dispersa rapidamente no ar. 

O uso do larvicida é um avanço para as estratégias de combate doméstico: “O uso deve ser a primeira etapa de combate à infestação. O uso doméstico faz com que o combate aconteça no criadouro do mosquito. É quase impossível combater, a cada sete dias (período de desenvolvimento das larvas do Aedes), centenas de novos insetos”, alerta Braida. 

Para efeito comparativo, uma fêmea pode dar origem a 1,5 mil mosquitos durante sua vida e seus ovos são distribuídos por diversos criadouros, o que garante a dispersão da dengue. “As pessoas precisam entender a importância do uso dos larvicidas, por sua eficiência e praticidade”, ressalta Braida. Além do uso simples e efeito duradouro, o larvicida não oferece riscos ao meio ambiente, à saúde humana e aos animais domésticos.


Matando o mosquito antes de criar asas

Os maiores índices de criadouros do mosquito da dengue apontados pelo Ministério da Saúde são registrados em residências. Diferente dos inseticidas comuns, a fórmula do mata-larvas age como um regulador de crescimento dos insetos. Para se transformar em mosquito, o Aedes aegypti passa por quatro estágios: ovos, larva, pupa e, então, mosquito. Na fase larval, depois da eclosão de ovos, que normalmente acontece em 48 horas, o futuro mosquito está se desenvolvendo.

O princípio ativo Pyriproxyfen impede que o exoesqueleto da larva, estrutura externa localizada fora do corpo dos invertebrados, se desenvolva e chegue à fase adulta. Dessa maneira, a larva não se transforma em mosquito e morrerá, antes de se desenvolver. “O ciclo do inseto se completa em sete dias. Sem o uso do larvicida, a pessoa tem que limpar toda semana os pontos de acúmulo de água, como vasos de plantas, calhas de telhados e cerca de cacos de vidros nos muros. Se o larvicida for aplicado nesses locais, a proteção dura até 60 dias, sem necessidade de novas aplicações”, exemplifica Braida.


A longa duração do larvicida existe graças à tecnologia de microcápsulas. Elas armazenam parte do princípio ativo do produto e se rompem gradualmente com a ação do tempo e em contato com a água. Assim, o larvicida pode ser aplicado em superfícies secas e o princípio ativo só é liberado e age sobre as larvas quando o local tiver água acumulada. Por isso, para proteger todas as casas brasileiras contra o mosquito da dengue, basta uma aplicação de larvicida a cada dois meses, ou quando houver uma grande reposição de água em cisternas, poços ou piscinas sem uso.

Quadrilha explode Bradesco de Lagoa do Ouro.



Na madrugada desta sexta-feira (25), A cangaço motorizado/moderno levou terror a mais uma cidade do interior pernambucano. A cidade atacada foi Lagoa do Ouro, onde os marginais explodiram o posto de atendimento do Bradesco. 

Segundo informações preliminares, a quadrilha fortemente armada, utilizou dinamites para adentrarem na agência bancária e explodir o caixa eletrônico, o equipamento ficou destruído e houve danos na estrutura do prédio.


Populares informaram que viram dois veículos na cidade, sendo um deles uma caminhonete preta e estavam com os faróis apagados. Após realizarem a ação criminosa, saíram da cidade atirando para o alto, levando terror para os moradores.






quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Senado aprova projeto que aumenta pena para motoristas embriagados.




O plenário do Senado aprovou hoje (24) um projeto de lei que modifica o Código de Trânsito Brasileiro para aumentar as penas de motoristas bêbados ou drogados que provocarem mortes no trânsito. O texto, que era originário da Câmara, foi alterado pelos senadores e volta agora para última análise dos deputados.

O projeto “aumenta a pena privativa de liberdade do crime de homicídio culposo na direção de veículo automotor, quando o agente estiver com a capacidade psicomotora alterada em razão da influência do álcool ou de outra substância psicoativa que determine dependência”, para cinco a oito anos de reclusão.

Atualmente a pena prevista é de dois a quatro anos e o relatório do senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) mantinha o projeto original com pena mínima de quatro anos, mas foi alterado por emenda do senador Antônio Anastasia (PSDB-MG). O objetivo do senador mineiro era evitar que a pena mínima permitisse que o motorista condenado não chegasse a cumprir pena em regime fechado.

Quando o acidente nessas circunstâncias não resultar em morte, mas o motorista for enquadrado por lesão corporal culposa, a pena será aumentada para de dois a cinco anos de reclusão se a lesão for considerada grave ou gravíssima. No entanto, as penas restritivas de liberdade poderão ser transformadas em restritivas de direitos se o motorista for condenado a até quatro anos de prisão.

O projeto também estabelece a tipificação penal para “a conduta de exibição ou demonstração de perícia em manobra de veículo automotor, não autorizada pela autoridade competente, gerando situação de risco à incolumidade pública ou privada”.

“Tal providência é salutar, tendo em vista a ocorrência, cada vez mais divulgada pela mídia, de veículos fazendo exibições não autorizadas, como cavalos-de-pau por exemplo, sendo que a referida conduta não se encaixa perfeitamente no tipo atualmente existente de participação em 'corrida, disputa ou competição automobilística'”, explica o relator.

Outra emenda do senador Antônio Anastasia também incluiu no texto a previsão de que o motorista poderá ser detido de um a três anos por dirigir tendo ingerido álcool ou qualquer substância que altere a consciência, independente da quantidade. Atualmente, o motorista só é preso a partir de uma determinada quantidade de álcool por litro de sangue.




Divulgado elenco da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém 2017

Rômulo Neto, Letícia Birkheuer, Joaquim Lopes, Aline Riscado, Adriana Birolli, Raphael Vianna e Jesus Luz estarão no cinquentenário da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém



Os artistas Rômulo Neto (Jesus), Letícia Birkheuer, (Maria), Rafael Viana, (Herodes), Joaquim Lopes (Pilatos), além da jovem atriz Adriana Birolli (Madalena), da bela Aline Riscado (Herodíades) e do modelo e ator Jesus Luz (João - apóstolo), vão estrear na Paixão de Cristo em 2017, ano na temporada de comemoração do cinquentenário do espetáculo de Nova Jerusalém, que acontecerá de 8 a 15 de abril, no município do Brejo da Madre de Deus (PE), à 160 km do Recife.

Como acontece todos os anos, os atores e atrizes convidados, juntamente com parte do elenco pernambucano, estarão, a partir do próximo dia 5 de dezembro, segunda-feira, na cidade-teatro de Nova Jerusalém, localizada no município do Brejo da Madre de Deus, para a gravação dos filmes de divulgação do espetáculo.

Serão produzidos seis filmes publicitários sob a direção de Eduardo Morotó. Pernambucano, Morotó já conquistou mais de 60 prêmios em festivais nacionais e internacionais atuando como roteirista e diretor de filmes curta-metragem.

Além dos artistas convidados, o elenco é formado também por mais de 50 atores e atrizes pernambucanos, onde se destacam Ricardo Mourão (Caifás), Ednaldo Lucena (Anás), Júlio Rocha (Pedro) e muitos outros. A encenação conta com a experiente direção artística dos pernambucanos Carlos Reis e Lúcio Lombardi, que desde 1997 conduzem com maestria a montagem do grandioso espetáculo.  A produção executiva e a coordenação geral estão a cargo de Robinson Pacheco, filho de Plínio Pacheco, idealizador e construtor da cidade teatro de Nova Jerusalém. Nos bastidores, a encenação conta com o suporte de centenas de profissionais que trabalham como assistentes de coordenação, vigilância e segurança, pessoal de limpeza e manutenção, pessoal de hospedagem e equipe de administração.

 A Paixão de Cristo de Nova Jerusalém de 2017 marcará o 50º ano de apresentações consecutivas do maior e mais famoso espetáculo bíblico teatral do Brasil. A peça revive os últimos dias de Jesus, sua morte e ressurreição em uma encenação única no mundo, realizada em uma cidade-teatro com nove palcos plateia e com a participação de 50 atores e cerca de 400 figurantes.

Em seus últimos 49 anos de apresentações, mais de 3,8 milhões de pessoas de todas as idades já assistiram ao espetáculo. São turistas de vários estados do Brasil e de vários países que vêm à Nova Jerusalém de carro, vans e ônibus de excursões oferecidos pelas agências de viagem.

Para os que buscam viver emoções mais fortes, a Pousada da Paixão, instalada dentro da cidade-teatro de Nova Jerusalém, oferece pacotes para os turistas que desejam não só assistir, mas também sonham em entrar em cena junto com os atores do espetáculo. São dois dias de hospedagem, nos quais os hóspedes assistem à peça no primeiro dia e, no segundo, atuam como figurantes juntamente com todo o elenco (Pousada da Paixão, 81 3732-1574,www.pousadadapaixao.com.br). Ou pelos celulares – Vivo (81) 9 8239-4764 / Tim (81) 9 9673-0815.


Para 2017, a venda de ingressos por meio do site oficial (www.novajerusalem.com.br) será iniciada a partir do dia 1º de dezembro. As entradas para o espetáculo custarão de R$ 100,00 a R$ 140,00, dependendo do dia, com meia-entrada para estudantes, professores de Pernambuco e público de até 14 anos. Nas compras feitas pelo site, o valor do ingresso poderá ser parcelado em até 12 vezes nos cartões de crédito, com os juros da operadora.

Governador Paulo Câmara anunciou o pagamento do 13º salário dos servidores do estado.



O governador Paulo Câmara anunciou, nesta segunda-feira (21.11), que o 13º salário dos servidores estaduais será pago de acordo com o calendário oficial. A primeira metade dos recursos do benefício será disponibilizada no próximo dia 30 de novembro. Os outros 50% serão pagos no dia 20 de dezembro. O pagamento do décimo - somado ao repasse, no início de dezembro, da folha salarial relativa ao mês de novembro - injetará mais de R$ 1,6 bilhão na economia do Estado em menos de um mês. 

Procon-PE lista dicas para o Black Friday

O Procon Pernambuco elaborou algumas dicas para os consumidores que pretendem fazer compras no dia 25 de novembro, quando ocorrerá o Black Friday 2015 (dia em que empresas do comércio físico e online praticam descontos).

A primeira recomendação do Procon-PE é fazer uma pesquisa nas lojas e nos sites para saber se o desconto aplicado no produto que se pretende adquirir é real. O ideal é pesquisar um dia antes do Black Friday para comparar a variação dos preços.

O Procon-PE alerta ainda que o consumidor não deve se deixar levar por impulso nas compras, adquirindo aquilo que realmente necessita para evitar o endividamento.

Confira mais dicas:

- Só faça a compra em sites seguros e confiáveis. Informe-se sobre a reputação da loja que pretende comprar. 

- Cuidado com e-mails e sites fraudulentos. O recomendado é entrar diretamente no site da loja e não por meio
de links duvidosos enviados por e-mail; 
- Procure no site informações básicas sobre o fornecedor: nome da empresa, CNPJ/CPF, endereços físicos e eletrônicos, telefone e demais informações que possibilitem seu contato e localização;

- Guarde todos os registros de sua compra, como e-mails de confirmação, códigos de localização e de realização da compra;

- Verifique se o site da empresa possui conexões seguras para proteção de seus dados. Identifique no início do endereço eletrônico a presença do “HTTPS” e de um cadeado ativado no canto esquerdo da barra de endereço do seu navegador;

- Verifique a presença de certificados de segurança de pagamentos nas transações bancárias realizadas com a empresa, não fornecendo seus dados bancários a sites que não possuam certificados de segurança;

- Evite fazer a compra utilizando computadores de terceiros ou por meio de redes wi-fi públicas;

- Mantenha a segurança do seu computador em dia, atualizando sempre seu programa antivírus.

A Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (câmara-e.net) criou em 2013 um Código de Ética para o “Black Friday Legal”, juntamente com um selo de identificação das empresas participantes, com o objetivo de estabelecer normas de conduta e boas práticas nas promoções. É recomendável acessar o site com a relação das empresas participantes: http://www.blackfriday.com.br
Vale lembrar que o Código de Defesa do Consumidor também protege o cidadão que faz compras pela internet. Caso tenha algum problema como atraso/não entrega do produto ou propaganda enganosa, o consumidor poderá reclamar em uma das unidades do Procon em Pernambuco. Para mais informações ligue para o 0800-282.1512.


Leilão de produtos apreendidos pela Sefaz-PE.




Entre as mercadorias, que já podem ser arrematadas pela internet, estão eletroeletrônicos, móveis e peças de vestuário

A Secretaria de Administração de Pernambuco (SAD-PE) realiza, no próximo dia 30, a partir das 9h30, um leilão de 123 lotes, compostos por utensílios domésticos, eletroeletrônicos, móveis, notebook, livros, CDs, DVDs, peças de vestuário, calçados, entre outros objetos apreendidos em operações da Secretaria da Fazenda do Estado de Pernambuco (Sefaz-PE). Interessados em participar devem comparecer, no dia do leilão, ao auditório da Sefaz-PE, localizado na Avenida Cruz Cabugá, nº 1419, Santo Amaro.

Os bens também poderão ser arrematados online. Para isso, os arrematantes deverão acessar o site oficial do leiloeiro (www.coliseumleiloes.com.br) e realizar o seu cadastro.

O recebimento de lances ficará aberto até a conclusão da sessão presencial de cada lote. Os lances mínimos variam entre R$ 15 e R$ 500. Poderão participar do leilão público e oferecer lances pessoas físicas portadoras do cartão CPF/MF e da Cédula de Identidade, ou documentos que o substituam, e pessoas jurídicas inscritas no CNPJ/MF. Estão excluídas pessoas com menos de 18 anos de idade não emancipadas, integrantes da Comissão de Leilão de Bens Móveis da SAD-PE e empregados e proprietários dos depósitos onde se encontram os lotes.

De acordo com o edital, apenas 20% do valor total do produto precisa ser pago quando o interessado ganhar o lance. O pagamento tem que ser feito em dinheiro ou cheque. 


Senado aprova PEC da Reforma Política



Por 69 votos a favor e nove contra, o plenário do Senado aprovou hoje (23), em segundo turno, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da Reforma Política. O texto segue agora para análise da Câmara dos Deputados.

A PEC estabelece uma cláusula de barreira que divide os partidos políticos em dois tipos: os com funcionamento parlamentar e os com representação no Congresso Nacional. Os primeiros serão os que obtiverem no mínimo 2% dos votos nas eleições gerais de 2018 e 3% nas de 2022. Essas legendas poderão ter acesso a fundo partidário e tempo de rádio e televisão, estrutura funcional própria no Congresso e terão direito de propor ao Supremo Tribunal Federal (STF) ações de controle de constitucionalidade.

Os partidos com representação no Congresso, mas que não superarem a barreira do número mínimo de votos, terão o mandato de seus eleitos garantido, mas perdem o acesso aos benefícios. Os políticos filiados a esses partidos terão direito de mudar de legenda sem perder o mandato. Mas, os deputados e vereadores que o fizerem não contarão no novo partido para fins de cálculo do tempo de televisão e o Fundo Partidário.

A PEC também reforça a fidelidade partidária ao estabelecer que políticos eleitos já no pleito de 2018 perderão o mandato caso se desfiliem de suas legendas. Os suplentes e os eleitos como vice perdem a possibilidade de atuar como substitutos se também mudarem de legenda.

A proposta reforça ainda a necessidade de os partidos serem fiéis aos programas que apresentarem nas eleições. A mudança em relação a esses programas constitui ressalva para que os eleitos possam mudar de agremiação sem perder o mandato.

Fim das coligações

Além disso, a proposta acaba com as coligações partidárias para eleições. Dessa forma, os partidos não poderão mais se unir para que os votos de um candidato ajudem a eleger o candidato de outra legenda. O texto prevê, porém, a possibilidade de que, após as eleições, eles se unam em federações – no caso dos partidos com afinidade ideológica – que terão atribuições regimentais nas casas legislativas como se fossem uma legenda única. As federações poderiam ser desfeitas nas convenções partidárias e não teriam efeitos para contagem de votos nas eleições, como no caso das coligações partidárias.

Embora favoráveis à ideia do fim das coligações partidárias e da imposição de cláusulas de barreira, os partidos de oposição tentaram aprovar emendas para que o percentual de votos mínimo exigido para acesso ao tempo de televisão e rádio fosse menor. Eles tentaram reduzir o percentual para 1% nas próximas eleições, 1,5% em 2022 e 2% em 2026, mas não conseguiram aprovar a modificação. Por isso, votaram contra o projeto.

Na Câmara dos Deputados, disse a senadora, é possível que essas legendas se unam ao chamado Centrão, que agrega vários partidos pequenos, para tentar modificar a proposta ou até evitar sua votação.


Matrículas escolares 2017.




Aproxima-se o período de matrículas para o ano letivo de 2017...
Neste momento, o que é mais importante para você?
Barganhar preço ou oferecer a melhor e mais completa educação ao seu filho?
No Educandário Menino Jesus de Praga, do Maternal ao 9º Ano, você dispõe da melhor e mais completa educação da região!!!
Com a parceria da Rede Pitágoras, que pela quarta vez consecutiva foi eleita como o melhor material didático do país, seu filho estará preparado para os maiores desafios do futuro.
Através da nova parceria com a Escola da Inteligência - programa de Educação Socioemocional desenvolvido pelo Dr. Augusto Cury, nossos alunos estudam o desenvolvimento emocional, tão debatido e falado nos últimos dias, compreendendo, trabalhando e desenvolvendo funções emocionais nunca antes trabalhados na escola.
Assim, quando você pensar em uma escola completa, venha para o Educandário Menino Jesus de Praga - do Maternal ao 9º Ano - a Escola que mais investe no desenvolvimento pedagógico e emocional dos alunos, da família e dos professores.
Faça-nos uma visita e venha conhecer nossa plataforma educacional completa!
Em breve matrículas abertas a preços promocionais!!!
Educandário Menino Jesus de Praga
Rua: Joaquim Dias de Melo, 36
Bom Conselho - PE
Tel.: (87) 3771.1520

Educação de Qualidade, sempre nossa maior Garantia!!!

terça-feira, 22 de novembro de 2016

Prefeito Dannilo Godoy, tem audiência com secretário de educação de Pernambuco.



O prefeito de Bom Conselho, Dannilo Godoy, juntamente com a secretária de educação de Bom Conselho, Cibelly Cavalcante; Estiveram reunidos em audiência nessa segunda-feira (21), com o secretário de educação do estado de Pernambuco, Frederico Costa Amancio, onde foram discutidos os seguintes assuntos:

1. Início das aulas do programa educação integrada (1ª cidade com escola integral na rede municipal do agreste);
2. Obra da escola técnica;
3. Projovem;
4. Ginásio poliesportivo do Ceru (Esc. Cel. José Abílio);


Outros assuntos fizeram parte da pauta ora debatida, visando buscar melhorias na área educacional para o município. 

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Pauta do Senado está cheia nesta semana.


O Senado começa a semana com pauta cheia. A Casa terá sessões deliberativas já a partir desta segunda-feira (21), com a discussão das propostas de emenda à Constituição (PEC) 55/2016, que institui o teto de gastos públicos para os próximos 20 anos, e a PEC 36/2016, que trata da reforma política.

Os dois temas voltam a ser discutidos na terça-feira (22). Em sessão extraordinária, pela manhã, o plenário fará um debate temático com economistas sobre a PEC do Teto de Gastos. Depois, volta a discutir a PEC da reforma política e vota o projeto que muda as regras para aplicação do Imposto Sobre Serviços.

Ainda na terça, na segunda sessão do dia, a previsão é que o plenário vote o projeto de lei que reabre o prazo para repatriação de dinheiro enviado ao exterior sem declaração à Receita Federal. O  novo prazo será de 1° de janeiro a 15 de março, e os contribuintes que sonegaram o imposto deverão pagar multa e Imposto de Renda de 17,5%, cada. Se aprovado, o texto seguirá para a Câmara dos Deputados. Também contará prazo para mais uma sessão de discussão da PEC do Teto de Gastos. Assim, ficará faltando apenas a quinta e última sessão antes que a PEC possa ser votada em primeiro turno, o que está previsto para ocorrer no dia 29.

Na quarta-feira (22), o dia começará com debate sobre o projeto que trata do abuso de autoridade na Comissão de Constituição e Justiça. Como o texto tem gerado polêmica, foram convidados para a discussão o ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Cláudio Lamachia.

À noite, a previsão é que seja realizada a última sessão de discussão e a votação da PEC da reforma política. Ela estabelece o fim das coligações partidárias e a aplicação de cláusula de barreira pra os partidos políticos já a partir das próximas eleições.


As votações seguem na quinta-feira (23), quando está prevista a votação do projeto que trata de mudanças no Sistema Tributário Nacional e prevê, entre outros pontos, que sobre os valores das restituições decorrentes do pagamento indevido incidam os mesmos índices de atualização aplicáveis ao pagamento em atraso de tributos e contribuições.